A serra da Lousã pela variedade e extrema riqueza da sua fauna e flora,
insere-se na Rede Natura, uma rede europeia de sítios protegidos que assegura a
biodiversidade, conservando e restabelecendo habitats naturais, plantas e
animais selvagens de forma a manter as características típicas dos locais.

 

CASTELO

No vale de Arouce, motivo pelo qual se veio a chamar Castelo de Arouce. Não se consegue precisar a data da sua construção, sendo esta certa no séc. XI, visto haver um documento dessa época que lhe faz referência. Neste tempo, segundo rezam as crónicas, o Castelo não teria a configuração actual, mas seria sim uma construção de madeira ou uma simples torre ao contrário da edificação de alvenaria que hoje encontramos. A função militar deste edifício teve maior relevância no séc. XI quando, pela sua posição privilegiada em termos de segurança, proporcionou o desenvolvimento demográfico e económico das margens planas do rio, e da área onde hoje encontramos a Vila da Lousã.

Localização: Burgo 3200 Lousã

Coordenadas GPS:

Latitude: 40º 6′ 2.91” N

Longitude: 8º 14′ 3.29″W

Fonte: CM Lousã

 62954_109391015787668_100001503113134_79706_3583883_n

 62954_109391019121001_100001503113134_79707_7251225_n

ERMIDAS DA SENHORA DA PIEDADE

É um importante Santuário Mariano, situado no morro em frente ao Castelo de Arouce. São três as capelas, sendo a mais antiga e de maior dimensão a Capela de S. João, construída entre os sécs. XIII e XIV. Possui um conjunto de esculturas do séc. XV e XVI talhadas em pedra de Ançã: S. João Baptista, S. João Evangelista, e S. Paio e ainda um frontal de altar em azulejos seiscentistas. A completar o conjunto, a Capela da Agonia, edificada no séc. XVIII e a Capela de Nossa Senhora da Piedade, no alto do morro de paredes caiadas de branco contrastando com o fundo verde-escuro da paisagem. É nesta capela que se encontra a imagem da Nossa Senhora da Piedade, que só descia à vila em ocasião de calamidade pública e aquando da criação da Irmandade de Nossa Senhora. A imagem passou a permanecer durante cerca de um mês na Igreja Matriz, regressando em grandiosa procissão ao seu Santuário. Em 1912 foi construída uma quarta Capela: a do Senhor dos Aflitos, situada no morro em frente ao Castelo. Esta pequena capela, em estilo neo-romântico com cantarias, tem um altar revivalista executado pelo escultor conimbricense João Machado.

Localização: Ermida da Senhora da Piedade 3200 Lousã

Coordenadas GPS:

Latitude: 40° 5′ 57.35″ N

Longitude: 8° 14′ 4.14″ W

Fonte: CM Lousã

PRAIA FLUVIAL SRA. DA PIEDADE

A praia fluvial natural na ribeira de S. João encontra.se num local deslumbrante
caracterizado pelas Ermidas da N. Sra. da Piedade e o Castelo da Lousã, antigo
burgo da medieval. A praia e a envolvente tem inúmeros recantos propícios para
descansar, merendar ou sonhar com as lendas da Princesa
Peralta.

Localização:
Ermida da Senhora da
Piedade
3200 Lousã

Coordenadas GPS:
Latitude: 40º06′ 0.16” N
Longitude: 8º 14′ 02.73″ W

Fonte: CM Lousã

 59818_109389545787815_100001503113134_79689_192038_n

 stantonio1

SANTO ANTÓNIO DA NEVE

Capela

Mandada construir em 1786  por Julião Pereira de Castro, neveiro-mor da casa Real, passou o local a designar-se por Santo António da Neve.

Poços da Neve

Nestes poços era armazenada a neve, que era calcada com pesados maços de madeira. Depois era cortada em blocos e levada para a corte em Lisboa

http://www.cm-castanheiradepera.pt/stantonio.asp

foto: CM Castanheira de Pêra