_TMA7877 CANDAL-LOUSÃ
Aninhado na Serra da Lousã, a Aldeia de Candal ergue-se numa colina voltada a Sul. Estrategicamente colocada junto à Estrada Nacional, que liga Lousã a Castanheira de Pera, esta Aldeia está habituada a receber visitantes. Estes são recompensados por subir as suas ruas inclinadas pois, chegados ao miradouro, uma belíssima vista sobre o vale se apresenta, refrescada pela Ribeira do Candal.Coordenadas GPS: Latitude: 40º 04′ 50.78”N – Longitude: 8º12’12.15″WEspaços públicos: eira, capela, fonte e lavadouro público. Fonte: Aldeias do Xisto

59195_109390332454403_100001503113134_79700_6066137_n

TALASNAL-LOUSÃ
Talasnal, Casal Novo e Chiqueiro são aldeias cravadas na serra da Lousã, ligadas entre si pela história e cultura comuns, mas sobretudo pelo viver genuíno das gentes. Ao reabilitarem-se casas e condições de vida, recuperam-se os sorrisos que nestas três aldeias voltam a chamar quem aprecie o casario encostado a ruas estreitas e as fontes que cantam os segredos da Serra.Coordenadas GPS: Latitude: 40º06’31.07” N – Longitude: 8º13’04.18″ WEspaços públicos: duas eiras,Fonte: Aldeias do Xisto
60394_109387705787999_100001503113134_79679_6023759_n CERDEIRA-LOUSÃ
A Cerdeira é um local mágico. Logo à entrada, uma pequena ponte convida-nos a conhecer um punhado de casas que espreitam por entre a folhagem. Parece que atravessamos um portal para um mundo fantástico. Tudo parece perfeito neste cenário profundamente romântico. O chão de ardósia guia-nos por um caminho até uma fonte no meio de uma frondosa vegetação.Coordenadas GPS: Latitude: 40º 05′ 45.77” N – Longitude: 8º
13′ 04.71″ WEspaços públicos: capela, casa de convívio, zona de merendas e
fonte.Fonte: Aldeias do Xisto

59554_109393112454125_100001503113134_79733_5518531_n

CASAL NOVO-LOUSÃ
O abandono do Casal Novo pelo seu último residente foi um episódio cheio de ironia: no dia em que deixava a sua terra de malas carregadas, cansado de lutar por conseguir estrada e luz para a aldeia, chegavam as camionetas para instalar a eletricidade.
Coordenadas GPS: Latitude: 40º05’15.75” N – Longitude: 8º16’53.21″ WEspaços públicos: eiras e fonte.Fonte: CM Lousã
CHIQUEIRO-LOUSÃO Chiqueiro possui currais e pastor, sendo uma das poucas aldeias que tem ainda gado caprino. Por se encontrar num ponto elevado tem uma panorâmica priveligiada. Supõe-se que tenha sido a mais importante aldeia serrana, dada a existência de sepulturas na capela e pelo facto de ter possuído pároco residente. Alguns percursos pedestres passam pelo Chiqueiro.Coordenadas GPS: Latitude: 40º05’12.058” N – Longitude:
8º13’55.24″ WEspaços públicos: capela, tanque e fonte.Fonte: CM Lousã
  GONDRAMAZ-MIRANDA DO CORVOGondramaz distingue-se pela tonalidade específica do xisto que nos envolve da cabeça aos pés. Até o chão que se pisa é exemplo da melhor arte de trabalhar artesanalmente a pedra. Esta é, aliás, terra de artesãos cujas mãos hábeis criam figuras carismáticas que são marca da serra e que levam consigo o nome do mestre e da aldeia além-fronteiras.Fonte: Aldeias do Xisto
AIGRA VELHA- GOISAqui poderá ouvir as histórias antigas de caravanas de comerciantes que vagueavam pela serra e paravam para pernoitar. À noite havia lobos, o que levou os habitantes a cortar a única rua da aldeia e a fazer ligações internas entre as casas. Estas paredes de xisto, rodeadas de pastagens verdes, são o abrigo antes de partir à descoberta do parque florestal da Oitava e da Ribeira da Pena.Fonte: Aldeias do Xisto
COMAREIRA-GOISSoalheira todo o dia, a Comareira é feita de casas aninhadas umas nas outras, avistando a paisagem que se estende até perder de vista. Os habitantes orgulham-se de dizer que este é um ponto estratégico para os visitantes das Aldeias do Xisto que se interessem  pelas praias fluviais desta região, pelo Parque Florestal da Oitava  ou pelos numerosos passeios pedestres organizados pela liga de amigos. Aqui pode-se pernoitar na Casa da Comareira.Fonte: Aldeias do Xisto
PENA-GOISA Aldeia de Pena retira da água cristalina da ribeira todos os proveitos. Ali ao lado, os Penedos de Góis são uma proposta de aventura para os mais ousados.Fonte: Aldeias do Xisto